segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

O poeta é um fingidor Finge tão completamente Que chega a fingir que é dor A dor que deveras sente. Se fosse eu a escrever isto chamavam-me doida, mas como foi um tal Fernando Pessoa já é sim senhor, grande poeta. – Divagações de quem estuda português…

3 comentários:

  1. por incrivel que pareça eu, que ODEIO Fernando Pessoa, essa é uma das minhas frases preferidas!

    ResponderEliminar

Deixa a tua opinião!
;D